Colonoscopia e Retossigmoidoscopia

O que é Colonoscopia

A colonoscopia consiste em um exame endoscópico que tem o objetivo de avaliar o intestino grosso e o íleo terminal (porção final do intestino delgado). É realizada sob sedação, através de uma sonda flexível com uma microcâmera, introduzida por via retal, permitindo a realização, se necessário, de procedimentos, tais como biópsias e remoção de pólipos e lesões. A colonoscopia tem papel fundamental na prevenção do câncer colorretal.

Quando e quem deve fazer Colonoscopia?

Para investigar quaisquer sinais e sintomas do câncer de intestino ou de outras doenças intestinais que apareçam, assim como para prevenção e detecção precoce do câncer do intestino e de lesões pré-malignas (pólipos intestinais), mesmo em pessoas sem qualquer sintoma. Neste caso, a prevenção com a colonoscopia se inicia aos 45 anos de idade. Também já está indicado para investigação de doenças inflamatórias intestinais, como Doença de Crohn e Retocolite ulcerativa. Outras indicações incluem: pesquisa de sangue oculto nas fezes positiva e alterações do funcionamento do intestino, tanto constipação quanto diarreia.

Agende o seu procedimento na Wescope.

Agendar agora

Cuidados para realizar a Colonoscopia

Quando for agendar o exame, informe todos os medicamentos de uso rotineiro. Em alguns casos poderá haver alguma orientação especial sobre o uso desses remédios antes do procedimento endoscópico. Informe também se possui alguma doença já conhecida. Alguns medicamentos, como anticoagulantes, precisam ser suspensos antes do exame conforme abaixo, sempre com a concordância do seu médico. Por favor, nos informe em caso de uso das seguintes medicações:

  •  Anticoagulantes - Varfarina (Marevan® e Coumadin®), Clopidogrel (Plavix®, Plagrel® e Iscover®), Prasugrel (Effient®), Ticlopidina (Ticlid®), Ticagrelor (Brilinta®), Dabigatrana (Pradaxa®), Rivaroxabana(Xarelto®), Apixabana (Eliquis®) Edoxabana (Lixiana®) e Enoxaparina (Clexane®).
  •  Análogos do GLP - Liraglutida (Victoza®, Saxenda®), Dulaglutida (Trulicity®) e  Semaglutida (Ozempic®) .

Usuários de marca-passo devem reprogramar o dispositivo com seu cardiologista antes do exame. Para usuários portadores de CDI (cardiodesfibrilador implantável) o procedimento deve ser realizado em ambiente hospitalar.

É necessário trazer acompanhante (>18 anos e <70 anos), além da documentação solicitada no momento da marcação e a solicitação do médico-assistente. Caso você seja diabético, marque o exame para o horário mais cedo possível e deixe para fazer uso de insulina após o exame e próximo à primeira refeição do dia.

Evite comparecer com unhas pintadas, porque o esmalte prejudica a monitorização da oxigenação sanguínea durante o exame. Antes do exame, é necessário o preenchimento da ficha de admissão e do termo de consentimento informado.

Nossa equipe estará disponível para explicar o procedimento e responder todas as suas dúvidas. Se você já realizou outro exame de endoscopia, informe previamente, principalmente se teve alergias ou reações a qualquer medicação. Você precisará remover seus óculos, próteses dentárias e adornos metálicos. Mulheres que estão amamentando podem realizar o exame, porém devem ficar pelo menos seis horas após o exame sem amamentar.

Em algumas situações, o exame precisa ser realizado sob sedação assistida com anestesista, tais como: crianças entre menores de 12 anos, pacientes com 80 anos ou mais a critério do médico endoscopista, pacientes com importante apneia do sono e usuários de CPAP, pacientes em hemodiálise, gestantes ou alérgicos a Látex, portadores de doenças sistêmicas descompensadas, ou consideradas de risco pela equipe médica (como usuários de Oxigênio suplementar e insuficiência cardíaca grave). Pacientes com menos de 18 anos, o acompanhante, obrigatoriamente, deve ser um responsável legal (pai, mãe ou tutor).

Bebidas alcoólicas não devem ser ingeridas nas 24 horas que antecedem o exame.

Recomenda-se comparecer à unidade com roupa confortável e calçados baixos (sem saltos). Traga também peças adicionais para troca, caso necessário. Se quiser tomar um banho, temos banheiro adequado para isto, traga somente a sua toalha e materiais para higiene pessoal. Clientes durante o período menstrual podem realizar o exame utilizando absorvente interno.

Para um exame de qualidade, é necessário que o cólon esteja completamente livre de resíduos. Para que isso ocorra, o preparo requer a suspensão de alguns alimentos, o uso de laxantes e uma solução medicamentosa específica.

Sobre o preparo do intestino para a Colonoscopia

É muito importante realizar uma limpeza intestinal adequada, deixando o intestino totalmente livre de resíduos fecais e, assim, permitindo a visualização de toda a superfície da mucosa interna intestinal. A administração de medicamentos como Manitol e Dulcolax (ambos laxantes) pode ser necessária. A ingestão de líquidos claros (como água mineral, água de coco e isotônicos) ajuda no preparo do intestino e evita a desidratação importante.

  • 5 dias antes:
    • Interromper o consumo de cereais integrais e grãos (como aveia, farelo de aveia e trigo, linhaça, quinoa, granola e chia) e cereais matinais até a realização do exame. A ingestão desses alimentos prejudica o preparo do intestino.
  • Véspera do exame:
    • Evitar: vegetais, hortaliças, frutas cruas, grão de feijão, alimentos de coloração vermelha (ex.: tomate, beterraba, morango, etc.), leite e derivados (como iogurte, coalhada, achocolatados, manteiga, requeijão, queijo, etc).
    • Pode ingerir: Pão branco, torradas e bolacha de água e sal (não integrais), Carnes cozidas, macarrão sem molho, sopas e purês.
    • Sugestão de cardápio para a véspera da colonoscopia.
      • Café da manhã: Sem restrições até as 8h da manhã do dia anterior ao exame.
      • Lanche da manhã: Frutas sem casca, sem bagaço e sem caroço/sementes: maçã, pera, melão e/ou banana, Suco de fruta processado ou natural coado e de coloração clara (ex: maracujá, laranja e limão), água de coco, guaraná, água mineral e isotônico.
      • Almoço: Arroz papa ou macarrão sem molho (ex: alho e óleo ou manteiga) ou purê de batata ou mandioquinha, Ovo mexido, cozido ou pochê, Gelatinas de cor clara (abacaxi, pêssego, limão ou maracujá), Suco de fruta processado ou natural coado e de coloração clara (ex: maracujá, laranja e limão), água de coco, guaraná, água mineral e isotônico.
      • Lanche da tarde: Bolacha maizena ou torradas ou pão de forma sem fibras e sem casca, ou biscoito polvilho, Frutas sem casca, sem bagaço e sem caroços/sementes: maçã, banana, pera e melão, Picolé de frutas claras (sem leite): limão, abacaxi e tangerina.
      • Jantar: Caldos de legumes batidos e coados ou sopas instantâneas com baixo teor de gordura, Gelatinas de cor clara (ex: abacaxi, pêssego, limão ou maracujá), Suco de fruta processado ou natural coado e de coloração clara (ex: maracujá, laranja e limão), água de coco, guaraná, água mineral e isotônico.
  • Às 18 horas do dia anterior:
    • Inicie dieta líquida: Água, chás, refrigerantes (somente de coloração clara), gelatina (cores claras), água de coco, sucos (coados), sorvetes (sem leite), caldo de carne (coado) e bebidas isotônicas.
    • Inicie a medicação: Dois comprimidos de Dulcolax® ou Lacto-Purga® por via oral para limpeza do intestino. Essas medicações causam diarreia e podem dar cólicas abdominais.
  • No dia do exame – 6 horas antes:
    • Não ingerir alimentos sólidos no dia do exame (mantendo a dieta líquida liberada na véspera do exame, após às 18h - conforme item acima).
    • Jejum absoluto, inclusive de água, duas horas antes do exame.
    • Medicamento Manitol (para eliminar todo o resíduo de fezes):
      1. Coloque 500ml de água ou suco (coloração clara e coado) em uma jarra, adicione os 500ml de Manitol e um frasco interiro de Luftal gotas. Misture. Não coloque açúcar. O suco pode ser de fruta natural ou em caixa, do sabor de sua preferência;
      2. Comece a tomar o suco misturado com o Manitol (um copo a cada 10 minutos). Quando acabar, beba, no mínimo, 2 litros de líquidos (sempre de cores claras) para evitar desidratação e facilitar a limpeza do intestino;
      3. O efeito laxativo terá início, em média, 2 horas após a ingestão do Manitol e se manifestará por evacuações frequentes até a saída de líquido de coloração amarelo claro (semelhante à urina), sem resíduos fecais, quando estará pronto para o exame;
      4. Necessário jejum absoluto duas horas antes do exame (incluindo água);
      5. Caso sinta enjoo ou tenha vômito, tome 35 gotas de Dramin® ou Plasil® se não houver alergia a esses medicamentos, ou outra medicação prescrita pela nossa equipe;
      6. O resultado adequado do preparo corresponde à evacuação de líquido claro e sem resíduos (semelhante ao chá de camomila ou guaraná).

 

IMPORTANTE: Siga rigorosamente as recomendações do preparo para o procedimento. O preparo inadequado certamente impedirá o exame adequado e você terá que repetir o exame posteriormente.

Riscos do procedimento

Como o preparo induz a uma diarreia, pode ocorrer desidratação e desequilíbrio dos eletrólitos. Por este motivo é muito importante seguir as orientações de hidratação durante o preparo. As complicações relacionadas à colonoscopia podem decorrer do preparo do cólon, da sedação, do exame propriamente dito ou de procedimentos complementares realizados. O preparo pode gerar intolerância gástrica que se refletirá em náuseas, vômitos ou distensão abdominal. Como em todo ato médico intervencionista, pode ocorrer complicações associadas ao método, entre elas, a perfuração intestinal. Esta complicação ocorre em cerca de 0,05% das colonoscopias. A perfuração pode ocorrer em menos de 1% das polipectomias extensas e a hemorragia em cerca de 0,02% dos procedimentos.

Orientações após o procedimento

Normalmente a recuperação após o exame requer um período de repouso inferior a uma hora, podendo posteriormente receber a alta. É importante que esteja acompanhado por um adulto responsável que lhe possa prestar algum auxílio, uma vez que a medicação poderá afetar a sua capacidade de raciocínio, decisão e reflexos durante o resto do dia. Não poderá dirigir motos ou carros, nem voltar na carona de motos. Além disso, deve evitar tarefas que necessitem de atenção, tais como mexer com máquinas e objetos cortantes.

No dia seguinte ao exame, você poderá retornar às suas atividades rotineiras. Após o exame recomendamos uma dieta mais leve (evitar alimentos muito gordurosos), e evitar ingerir bebidas alcoólicas por pelo menos 12 horas.

Também é normal sentir um leve desconforto abdominal, que é secundário a insuflação do intestino para melhor avaliação do mesmo. Nestes casos, uma parte dos gases serão reabsorvido pelo organismo, e a outra você poderá eliminamos na forma de flatos (“soltado pum”).

Você poderá retornar a fazer uso de suas medicações, a menos que o médico tenha fornecido alguma orientação especial. A diarreia pode persistir ainda por 12 horas depois do procedimento.

Em caso da realização de biópsias, é normal aparecer pequenas raias de sangue nas fezes. Em casa, se apresentar dor abdominal forte, sangramento intestinal em grande quantidade ou febre, procure o serviço de emergência do hospital (aberto 24 horas). Em caso de haver qualquer outro sintoma, deve-se entrar em contato conosco.

Observações extras

Quando realizada em condições insatisfatórias, devido a preparo inadequado, a colonoscopia é cobrada normalmente e apresenta, como resultado, um laudo, informando que uma parte dos segmentos de interesse não pôde ser estudada por conta da presença de resíduos.

Caso haja necessidade da realização de biópsias ou ressecção de pólipos, cauterização de hemorragias ou colocação de clipes, haverá a inclusão e cobrança dos exames anatomopatológicos de cada lesão diferente que for biopsiada e de cada pólipo retirado, bem como do procedimento de retirada dos pólipos (polipectomia ou mucosectomia) e procedimento de tratamento de sangramento (hemostasia), se necessário. Muitas vezes só é possível saber isso durante a realização do procedimento. Dessa forma, recomendamos que antes de iniciar o exame, o cliente se informe na recepção, sobre os valores de tais procedimentos.